Boas Práticas e Integridade em Pesquisa

A Política Institucional de Boas Práticas e Integridade em Pesquisa da Unicamp abrange todas as atividades de pesquisa científica realizadas por servidores docentes e não docentes, alunos ou outras categorias envolvidas com o desenvolvimento de pesquisas na Unicamp. Atualmente a Deliberação CONSU-A-049/2020, de 06/10/2020 instituí a Política Institucional de Boas Práticas e Integridade em Pesquisa da Unicamp, com a finalidade de promover a cultura de integridade ética em pesquisa mediante ações educativas, de disseminação e de orientação acessíveis a todos os pesquisadores, atendendo aos princípios internacionais de acolhimento e averiguação de denúncias de má conduta e má prática científica.


Os discentes que realizarão seus exames de qualificação ou defesa de dissertação/tese devem verificar na plataforma SIGA (Sistema de Gestão Acadêmica da DAC) se o projeto submetido precisa ser submetido a Comitê de Ética em Pesquisa.

dac

 


A Plataforma Brasil é uma base nacional e unificada de registros de pesquisas que envolvem seres humanos para todo o sistema CEP/CONEP. Ela permite que as pesquisas sejam acompanhadas em seus diferentes estágios, desde sua submissão até a aprovação final pelo CEP e pela CONEP, quando necessário, possibilitando, inclusive, o acompanhamento da fase de campo, o envio de relatórios parciais e dos relatórios finais das pesquisas (quando concluídas).

 

plataforma brasil

 


Via Plataforma Brasil, os projetos que envolverem seres humanos devem ser submetidos para apreciação Ética junto ao Comitê de Ética e Pesquisa/Unicamp. Ou seja, nenhum tipo de dado deve ser colhido até que o pesquisador tenha obtido Parecer de aprovação do seu projeto de pesquisa: alunos e orientadores devem seguir essa boa prática. Quando o projeto de pesquisa estiver vinculado ao Programa de Pós-graduação em Enfermagem, o parecer do Comitê de Ética em Pesquisa (documento da plataforma Brasil) deverá ser inserido no SIGA pelo aluno e, posteriormente, aprovado pelo orientador e validado pela Secretaria de Pós-Graduação. Apenas após essa validação, será possível solicitar Defesa de Tese/Dissertação.

cip

 


O código de Boas Práticas Científicas estabelece diretrizes éticas para as atividades científicas dos pesquisadores beneficiários de auxílios e bolsas da FAPESP e para o exercício da função de avaliador científico pelos assessores da FAPESP. É também aplicável às instituições e organizações de qualquer natureza, públicas ou privadas, que se apresentem perante a FAPESP como sedes de atividades científicas (aqui chamadas genericamente de instituições de pesquisa) e aos periódicos científicos apoiados pela FAPESP.

fapesp

 


redu

 

O Repositório de Dados REDU é a ferramenta oficial da Universidade para depósito, preservação, compartilhamento, reutilização e reprodutibilidade de todos os dados de pesquisa aqui gerados. Os dados podem não estar inseridos no REDU, mas é obrigatório o preenchimento dos metadados, direcionando o local do armazenamento dos dados.


 

Acesse: Apoio Técnico e Dúvidas Frequentes

 

Compartilhe

Equipe