FEnf recebe alunos do programa Ciência e Arte dos Povos da Amazônia (CAPA)

   Na última segunda-feira (20/02/2020), na Faculdade de Enfermagem, aconteceu a Oficina "O idoso do Século XXI: desafios e atualidades" oferecida pela Profa. Dra. Ana Paula Boaventura, Dra. Denise Cuoghi e Profa. Dra. Maria Giovana Borges Saidel, para o programa Ciência e Arte dos Povos da Amazônia (Capa).

  Estabelecido através de parceria entre a Unicamp, a Universidade Federal do Pará (UFPA) e o Santander, o Capa traz ao campus 20 estudantes da UFPA, oriundos de povos indígenas, quilombolas, ribeirinhos e extrativistas, para atividades de estágio de pesquisa e oficinas. As atividades do Capa terão duração de seis semanas, sendo finalizadas no dia 20 de fevereiro.

  Durante esse período, os estudantes realizarão oficinas, às segundas-feiras, e participarão de projetos de pesquisa, entre terças e sextas-feiras. As pró-reitorias de Pesquisa, na Unicamp, e de Pesquisa e Pós-graduação, na UFPA, estão a cargo da organização do evento. 

  Os alunos estiveram na FEnf pela manhã e a tarde puderam conhecer o Hospital de Clínicas da UNICAMP, também acompanhados pelos alunos de graduação em enfermagem monitores no projeto Murilo Rossano e Lorena Marques.

  A Faculdade de Enfermagem parabeniza todos os envolvidos nesse projeto e almeja que seja constante em nossa Faculdade!

1
2
3
4
5
6
7
8

Compartilhe

No dia 20 de maio de 2020, durante a programação de encerramento do 81ª Semana Brasileira de Enfermagem, aconteceu o lançamento do e-book “ENFERMAGEM GERONTOLÓGICA NO CUIDADO AO IDOSO EM TEMPOS DA COVID-19”, elaborado por membros do Departamento Científico de Enfermagem Gerontológica da Associação Brasileira de Enfermagem. Esse trabalho emergiu a…

   No último dia 12 de maio de 2020, Dia Internacional da Enfermagem, foi realizada uma Live no Facebook da Profa. Dra. Kátia Stancato com o tema "Enfermagem no terceiro milênio".    Além da Profa. Kátia, a live contou com a participação da Profa. Dra. Maria Helena Baena de Moraes Lopes (FEnf-Unicamp), Prof. Dr. Mauro…

O sonho de ser enfermeiro nasce ao lidar frente a frente com o amor, o cuidado e com a esperança. Ser enfermeiro é olhar para o outro antes de si mesmo. É correr perigos pelo bem-estar do próximo. É chorar. Chorar de cansaço físico e mental nos cantos do hospital. É brigar. Brigar e lutar por conquistas no cenário atual. Mas também é sorrir.…

Projeto Escuta Solidária  Frente à pandemia do coronavírus (COVID-19), o distanciamento social repercute na saúde emocional, em especial, na população idosa por ser o grupo de risco e/ou apresentar problemas de solidão e isolamento social inerentes à velhice.